Editor

.

Linha Editorial

  • "Mídia Construtiva é também lançar o olhar crítico sobre problemas, apontar falhas, denunciar. Contribuindo para a corrente que tenta transformar o negativo em positivo."

    Leia mais ...
Terça, 09 Novembro 2010 13:20

Ação Mulher – IV Festival do Audiovisual abre oficinas e prorroga inscrições de mostra

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

O Ação Mulher – IV Festival do Audiovisual abriu inscrições para as oficinas "Interpretação para Cinema e Vídeo", com Cibele Santa Cruz, e "O Olhar dos Outros – produção, roteiro e direção", a ser ministrada pela equipe de produção de Stella Zimmerman e Amanda Mansur. Cada turma terá 25 participantes e as inscrições são gratuitas.

As organizações sociais que tiverem interesse em realizar matrículas para jovens de ambos os sexos ou mulheres do meio popular devem fazer através do site www.audiovisualmulher.com, ou de forma presencial no SOS Corpo, localizado na Rua Real da Torre, nº 593, no bairro da Madalena, no Recife. Informações podem ser obtidas pelo telefone (81) 3087.2086, ramal 7021, no período da tarde.

O Festival, que dá destaque ao olhar da mulher na história das produções audiovisuais e sua impressão do cotidiano urbano e cinematográfico, também prorrogou as inscrições para a Mostra Competitiva de Vídeo e Curta Metragem. Serão R$ 12 mil em prêmios e atendendo a pedidos de cineastas de vários estados brasileiros quem quiser participar poderá entregar ou postar o seu filme até o dia 19 de novembro.

O regulamento da Mostra Competitiva e a ficha de inscrição das oficinas estão disponíveis no site www.audiovisualmulher.com. O Festival Ação Mulher será realizado entre os dias 22 e 27 de novembro, movimentando a Livraria Cultura e o Cine São Luiz, com exibição de longas, mostra competitiva de curtas e debates.

"Os filmes não precisam ter uma temática necessariamente ligada ao universo da mulher. O Festival é pensado para falar do olhar da mulher no universo audiovisual, como profissional e com suas interferências criativas em qualquer tema que se disponha a mostrar ao público", esclare a idealizadora do evento, a escritora e produtora cultural Maria Áurea Santa Cruz, que assina a direção do festival. Maria Áurea conta com a parceria de Izolda Pedrosa desde a última edição do evento, realizada em 2008.

Oficinas - As oficinas acontecerão entre os dias 22 e 26 de novembro, na Regional Nordeste do Ministério da Cultura (MinC), na Rua do Bom Jesus, no Bairro do Recife.

A oficina "Interpretação para Cinema e Vídeo" tem como objetivo despertar a educação artística do audiovisual, com exercícios que serão gravados a cada aula. No trabalho que será desenvolvido, o participante poderá observar o seu próprio crescimento percebendo nuances de interpretação que são necessárias para a comunicação nessa linguagem.

Acontecerá em um turno, durante cinco dias seguidos, sempre das 9h às 12h e é aberta ao público a partir dos 16 anos. Será ministrada por Cibele Santa Cruz, atriz, produtora, diretora teatral e produtora de elenco. Ela já fez mais de 150 filmes publicitários nacionais e internacionais e vem ministrando workshops de interpretação em vários estados brasileiros, somente no Rio de Janeiro foram dez.

Desde 1991 trabalha como produtora de elenco para televisão e cinema com os principais diretores brasileiros a exemplo de Tizuka Yamasaki, Arnaldo Jabor, João Falcão, Breno Silveira, Moacyr Góes, Lui Farias, Cláudio Torres, Cristiane D´Amato, Rosane Svartman, Marcus Figueiredo, Paulo Sérgio Almeida, José Alvarenga Jr., o português Jorge Paixão da Costa e o italiano Aurélio Grimaldi, entre outros.

O "Olhar dos Outros" é uma oficina de iniciação ao audiovisual que pretende estimular a percepção de seus participantes e criar espectadores mais maduros e analíticos para uma recepção imagética com exercícios práticos e teóricos.

As aulas culminarão na produção de um curta-metragem de ficção, em sistema HDV (vídeo digital de alta definição). A oficina será ministrada em dois turnos, das 9h às 17h, de 22 a 26 de novembro, por três instrutores da equipe de produção Stella Zimmerman, todos profissionais da área com experiência em direção, produção e roteiro. Stella Zimmerman trabalhou como produtora de elenco, diretora de produção, produtora executiva e assistente de direção em vários filmes nacionais e produções para TV, incluindo o documentário "Mulheres Brasileiras" para a TV alemã ARD. Atuou ao lado de muitos diretores, entre eles Cláudio Assis, Camilo Cavalcante, Lírio Ferreira e Paulo Caldas.

Este ano o Festival Ação Mulher ganha uma proporção internacional, com a participação de produções também de Portugal e da África lusófona. A realização do evento é da Curinga Produções Artísticas e da ONG SOS Corpo. A programação completa será disponibilizada na segunda quinzena de novembro no site.

"Ação Mulher é um festival internacional, que adota a dinâmica de intercâmbio cultural, para divulgar o cinema feito por mulheres, e com temas os mais diversos, sempre oferecendo uma janela para tratar assuntos de interesse da sociedade. A programação prevista para esta edição oferece oficinas de capacitação na linguagem do audiovisual para mulheres e público jovem do meio popular, numa perspectiva de inclusão social e de estímulo a inserção no mercado de trabalho", explica Izolda Pedrosa.

Última modificação em Terça, 09 Novembro 2010 13:22

twitter

Apoio..................................................

mercado_etico
ive
logotipo-brahma-kumaris