Editor

.

Linha Editorial

  • "Mídia Construtiva é também lançar o olhar crítico sobre problemas, apontar falhas, denunciar. Contribuindo para a corrente que tenta transformar o negativo em positivo."

    Leia mais ...
Quarta, 30 Novembro 2011 21:30

Violinista e compositor Sérgio Ferraz lança disco "Dançando aos pés de Shiva"

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

imagesCACQG3JDPor Sílvia Góes

Depois do elogiado “Segundo Romançário”, gravado ao lado de Antônio Madureira (2010) e do CD Sonoris Fábrica (2011), com o grupo Sonoris Fábrica, o violinista e compositor Sérgio Ferraz aposta no primeiro disco solo, que será lançado nesta quinta (01/12), no Poço da Panela, com coquetel e exposição do artista Gustavo Burkhardt

 “Nesse disco eu resolvi revelar as minhas vivências espirituais”, diz Sérgio Ferraz quando perguntado sobre a inspiração para o título do seu novo trabalho, seu primeiro solo, “Dançando aos Pés de Shiva”, que será lançado nesta quinta (01/12), às 20h, no Poço Cultural, na Estrada Real do Poço, Poço da Panela, no Recife. O violinista e compositor Sérgio Ferraz tem dois CDs gravados anteriormente: “Segundo Romançário”, em parceria com Antônio Madureira, em 2010 e “Sonoris Fábrica”, com o grupo Sonoris Fábrica, no início deste ano.

O evento de lançamento terá ainda uma exposição do artista Gustavo Burkhardt, que fez a arte do disco e acabou se inspirando para a concretização de uma série de obras circulares e clipes em animação baseados nas criações desenvolvidas para o CD.

ShivaA capa, que traz um desenho em nanquim com bico de pena de Gustavo Burkhardt, já introduz a primeira vista o universo místico em que o disco está inserido. Para cada música Gustavo criou um símbolo que compõe uma mandala. A inspiração nas músicas indianas está presente, segundo o próprio Sérgio Ferraz, graças a influências de nomes como Ravi Shankar e o grupo Shakti. Isso fica claro de cara também na referência ao deus oriental Shiva no título. Mas não é só a música indiana que norteia os passos de Sérgio Ferraz, estão presentes o minimalismo e a música atonal, a sua paixão pelo improviso e o Jazz e ainda o seu percurso Armorial, que mescla o erudito e o popular.

O disco nasceu a partir dos arquivos do artista, contendo entre as músicas muitas faixas que foram resultados de uma primeira inspiração, totalmente improvisadas. Talvez por isso Sérgio considere que “Dançando aos Pés de Shiva” é um trabalho que retrata mais proximamente a sua alma. Sérgio Ferraz conta que o envolvimento emocional foi tanto que ele decidiu fazer o disco de forma independente, sem buscar patrocínio. “É das improvisações que surgem as minhas composições e por isso eu tenho o costume de gravar essas vivências. No disco estão essas primeiras manifestações das músicas, sem nenhum retoque. Só que há também outras composições, que foram pensadas para o disco especialmente”, diz Sérgio Ferraz. As músicas resgatadas dos arquivos pessoais do violinista são de épocas variadas, desde 2003 pra cá.

Boa parte das músicas de “Dançando aos Pés de Shiva” foram gravadas no estúdio “A Caverna dos Violinos”, na casa de Sérgio Ferraz; outras faixas e a percussão no “Estúdio Muzak”, onde foi também mixado e masterizado.

O CD tem 12 faixas autorais e foi todo produzido, arranjado e executado pelo próprio Sérgio, que além do violino elétrico toca também piano e teclados no disco. O trabalho conta ainda com a participação do percussionista Jerimum de Olinda em seis músicas.  Trata-se de um trabalho instrumental onde o violino elétrico é o instrumento solista explorando diversos timbres, e em alguns momentos dialogando com a percussão.

O encarte, permeado por frases de Nietzsche e Castaneda, especialmente das obras Assim Falava Zaratustra e Viagem a Ixtlan, dá uma ideia das leituras escolhidas por Sérgio Ferraz no caminho de suas vivências espirituais e na composição e concepção musical do seu trabalho. Aliás, os títulos das músicas também foram inspirados nas obras dos dois escritores. “Em Nietzsche e Castaneda, assim como na simbologia ligada ao deus Shiva, estão presentes a metáfora da superação do homem. Acho que nesse trabalho há também uma superação do Sérgio Ferraz, como compositor e instrumentista, em parte porque nele está o meu coração e a minha alma, a música que me pertence na solidão da minha casa. Quando você sabe que está colocando o seu coração, sua alma, entregando algo muito seu, inteiro, acho que as pessoas de certa forma recebem e percebem isso”.

“Dançando aos Pés de Shiva” já está disponível na Livraria Cultura, Passa Disco e outras lojas da cidade. Também vem atraindo interesses internacionais. Houve inclusive uma conversa com a representante de um selo digital da Inglaterra interessado no trabalho, o Believe, que em breve deve disponibilizar em formato digital. “Algumas músicas foram tocadas num programa de rádio da Polônia e foram muito bem recebidas”, conta Sérgio. No lançamento não haverá apresentação musical. O show oficial de “Dançando aos Pés de Shiva” acontecerá somente na segunda quinzena de janeiro. Para quem quiser conferir o trabalho, é possível ouvir quatro músicas no www.myspace.com/oviolinista.

Serviço:

Dançando aos Pés de Shiva – Sérgio Ferraz

Músicas:

1 – A Última Batalha na Terra

2 – Chuva Cinza

3 – Festa da Colheita

4 – O Grande Vishnu

5 – Antes do Sol vir até Mim

6 – As Três Transformações do Espírito

7 – O Amor, O Saber e o Poder

8 – A Segunda Chuva

9 – Encontrando a Flor de Lótus

10 – Dançando aos Pés de Shiva

11 – A Solidão do Guerreiro

12 – A Última Batalha na Terra (2ª versão)

Contatos:

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

MySpace:

www.myspace.com/oviolinista

Última modificação em Quarta, 30 Novembro 2011 21:56

twitter

Apoio..................................................

mercado_etico
ive
logotipo-brahma-kumaris