Editor

.

Linha Editorial

  • "Mídia Construtiva é também lançar o olhar crítico sobre problemas, apontar falhas, denunciar. Contribuindo para a corrente que tenta transformar o negativo em positivo."

    Leia mais ...
Segunda, 02 Setembro 2013 19:31

Recife terá celebração do ano novo judaico

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Celebração mostra que, mesmo com todas as diferenças entre os povos, a paz é possível

 

Na próxima quarta-feira (4), os judeus comemoram o Rosh HaShaná, o Ano Novo judaico, que começa ainda ao pôr-do-sol e celebra a criação do mundo e da humanidade. A festa não comemora um acontecimento específico do povo judeu, mas a unidade da humanidade. No Recife, a festividade será comemorada na noite desta quinta (5), a partir das 19h, e na manhã da sexta (6), a partir das 8h, no Centro Israelita da Torre, com atividades para toda a família.

Na quinta, a abertura dos festejos inicia com o Rosh HaShaná, apresentação de textos e músicas pelas crianças do Colégio Israelita e do Projeto Iashad. Depois, será servido um Kidush Festivo. Na sexta, haverá vivências, atividades lúdicas e artísticas para as crianças da comunidade judaica, café da manhã, leitura da Torá, e às 11h o encerramento será feito com o toque do Shofar seguido de Mussaf. 

Tradicionalmente na noite do Rosh HaShaná, os judeus vão as sinagogas rezar e ouvir o toque do Shofar, uma espécie de berrante feito com chifre de carneiro que anuncia a chegada do Ano Novo e representa a liberdade e a redenção. Depois das orações, as famílias se reúnem na mesa de jantar que é composta por comidas típicas, cada uma com significados próprios.

A celebração mostra que, mesmo com todas as diferenças entre os povos, a paz é possível. É também esta a mensagem deixada pelo papa à comunidade judaica brasileira, ao afirmar que o diálogo com os judeus é uma prioridade para ele. "Esperamos que 5774 seja um ano que traga mais paz, democracia e justiça social. Francisco nos disse em Aparecida que ser um bom cristão é ser também um bom judeu. Levemos este espírito do diálogo adiante, para que possamos concretizar o sonho de viver em um mundo melhor", declarou Claudio Lottenberg, presidente da Confederação Israelita do Brasil.

Dando seguimento às comemorações, o ponto alto será no próximo dia 13 de setembro, quando tem início o Iom Kipur, o Dia do Perdão, a data mais sagrada do calendário judaico. Até a data, os judeus aproveitam para fazer reflexões sobre os atos cometidos e comprometer-se com o arrependimento.

SERVIÇO:

O ano judaico de 5774 começa ao pôr-do-sol do dia 4 de setembro. Rosh Hashaná quer dizer, literalmente, “Cabeça do Ano”.

Ao anoitecer de 13 de setembro tem início o Iom Kipur, o Dia do Perdão, a data mais sagrada do calendário judaico.

A comunidade judaica vai à sinagoga nos dia 4, 5 e 6 de setembro, durante o Rosh Hashaná, e nos dias 13 e 14 de setembro, durante o Iom Kipur.

twitter

Apoio..................................................

mercado_etico
ive
logotipo-brahma-kumaris