Editor

.

Linha Editorial

  • "Mídia Construtiva é também lançar o olhar crítico sobre problemas, apontar falhas, denunciar. Contribuindo para a corrente que tenta transformar o negativo em positivo."

    Leia mais ...
Quarta, 03 Março 2010 15:39

Homicídios caem 14% em dois meses

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Publicado em 03.03.2010, na editoria Grande Recife da Folha de Pernambuco
Por Silvia Leitão  

A política do Pacto Pela Vida do Governo do Estado comemora números significativos. Pernambuco entra no15º mês consecutivo de redução do número de assassinatos, somando 630 vidas salvas no período. A Secretaria de Defesa Social (SDS) define como um marco histórico. E não seria para menos: só em janeiro e fevereiro últimos, houve redução média de 14%, sendo considerado o bimestre de índices mais baixos dos últimos cinco anos. De 2003 até hoje, nesses meses, foi alcançada a menor taxa de crimes violentos letais intencionais (CVLI) por cem mil habitantes: 7.3. E, no acumulado de dezembro de 2008 a fevereiro de 2010, o percentual da queda é de 12,1%, continuamente.

Os bons ventos também sopram na área de combate à violência contra a mulher. Em fevereiro, 12 mulheres morreram violentamente e, em janeiro, mais 19 mulheres, somando 32 casos. É o início de um ano com menos violência para elas, nos últimos oito anos. Comparando janeiro e fevereiro de 2010 com o mesmo período do ano passado, quando morreram 47 mulheres, os dados atuais representam uma redução importante de 34,8% na taxa de vítimas, por cada grupo de cem mil mulheres. “Na primeira semana de janeiro houve uma série de mortes consecutivas, mas, elas não refletem o conjunto dessa série de diminuição”, lembrou o secretário da Defesa Social, Servilho Paiva.

 E, para a SDS, não há mágica. “É trabalho. A gente vem consolidando todos esses dados trabalhando em cima de alguns fatores que contribuem para isso. Em três anos, de 2006 e 2009, nomeamos 1.382 policiais civis, um incremento de 31,67% no efetivo; na Polícia Militar, só em termos de soldados, foram 4,8 mil, além de 60 novos oficiais, e um concurso já está aberto, abrindo mais 2,1 mil vagas. A consequência é uma maior atuação na rua, gerando mais flagrantes”, observou Paiva.

 Outro avanço destacado pelo secretário é a emissão de inquéritos policiais enviados à Justiça: aumento de 26,9% a média de 2006 a 2009. “Comparando o ano passado com 2008, houve 43,89% a mais de inquéritos encaminhados, com conclusão. Isso demonstra a efetividade da polícia na resolução dos casos e em todos aqueles de repercussão a resposta tem sido dada sistematicamente”. O número de prisões também foi elevado, de acordo com a SDS. Há um acréscimo de 13,11% em flagrantes comparando os anos de 2009 e 2008. Também houve uma média de crescimento de 14,08% na emissão dos TCO.

Última modificação em Quarta, 03 Março 2010 15:39

twitter

Apoio..................................................

mercado_etico
ive
logotipo-brahma-kumaris