Editor

.

Linha Editorial

  • "Mídia Construtiva é também lançar o olhar crítico sobre problemas, apontar falhas, denunciar. Contribuindo para a corrente que tenta transformar o negativo em positivo."

    Leia mais ...

DSC00331Com o objetivo de brincar o carnaval de Olinda, sem o uso de álcool e drogas, o bloco vai mais uma vez pra rua levar sua mensagem 

A Associação Cultural Tô Limpo promove a segunda prévia carnavalesca do seu bloco, também denominado “Tô Limpo” no próximo domingo, dia 20 de novembro, na sede da Pitombeira dos Quatro Cantos, às 11h. Desta vez será servida uma dobradinha a todos que participarem da festa.

A dobradinha “Tô Limpo” é promovida por um grupo, em sua maioria, formado por pessoas que tiveram problemas com o abuso de álcool e drogas, mas que através da abstinência dessas substâncias retomaram suas vidas e agora buscam levar essa mensagem de recuperação a quem dela precise.

O Bloco “Tô limpo”, que desfila no sábado e na segunda-feira de carnaval, é uma maneira de mostrar que para brincar a festa de momo não se faz necessário o uso de nenhuma droga, lícita ou ilícita, tornando-se uma opção de diversão saudável dentro do carnaval de Olinda.

Após a dobradinha o bloco desfilará pelo sítio histórico, esquentando os foliões para a festa que tem como estrela maior o  frevo. Os ingressos custam R$ 10, podem ser adquiridos no local, no dia da festa, ou antecipadamente pelos números: 9846.3120/ 8732.1798/8642.2281/9960.0571.

Publicado em Blog

20100209163945Da Agência Brasil

A proposta que torna crime dirigir sob efeito de álcool ou outra substância psicoativa no sangue, independentemente da quantidade, que foi aprovada em caráter terminativo pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, no último dia 9 de novembro, segue para votação na Câmara dos Deputados.

O Código Brasileiro de Trânsito prevê tolerância até 0,6 decigramas (dg) de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. O nível de álcool consumido pelo motorista atualmente só pode ser detectado com o teste do bafômetro, que não é obrigatório.

A proposta do senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) prevê outros tipos de qualificação de embriaguez, como testes de alcoolemia e exames clínicos, além de “prova testemunhal, imagens, vídeos ou produção de quaisquer outras provas em direito admitidas”.

As punições vão desde a detenção de seis meses a três anos a multa e suspensão da carteira de habilitação. No caso de morte provocada pelo motorista embriagado, o condutor do veículo pode cumprir pena de reclusão de quatro a 12 anos, pagar multa e ter a suspensão ou a proibição de nova carteira de habilitação.

O relator do projeto, Pedro Taques (PDT-MT), acolheu duas emendas do senador Demóstenes Torres (DEM-GO) para melhor especificar a punição dos infratores envolvidos em acidentes de trânsito e outra para simplificar a redação do projeto.

Publicado em Viva Brasil

alcool_e_tabaco_08-10-09Da Agência Brasil

O  hábito de fumar, associado ao de consumir bebidas alcoólicas, é apontado como uma das principais causas do câncer de laringe. Na maior parte dos casos, a doença é tratável e as chances de cura estão acima de 50%.

Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, Enaldo Melo de Lima, em fase inicial, as chances de cura do câncer de laringe atingem 70% e o tratamento é feito com a quimioterapia e radioterapia. Já em casos avançados, nos quais as chances de cura chegam a 50%, pode ser necessária uma cirurgia para a retirada da laringe, que significará a perda da voz.

“O problema do câncer de laringe é que alguns pacientes não têm reposta ao tratamento conservador, da quimioterapia ou da radioterapia. Nestes casos, é preciso fazer a cirurgia de retirada de laringe, de mutilação do órgão, quando há perda da voz”, explicou Enaldo Melo.

O médico alerta que o câncer de laringe afeta mais os homens e é o mais comum entre os tipos de tumores que atingem a região da cabeça e do pescoço. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), representa 25% dos tumores malignos nessa região e 2% de todos os cânceres.

O tumor na laringe pode afetar a fala e a deglutição. Os primeiros sintomas são dores localizadas, sensação de caroço na região ou rouquidão.

Para se prevenir, o médico sugere que maus hábitos sejam abandonados. “A causa principal é o tabagismo, o álcool funciona como fator aditivo. São maus hábitos que desenvolvem não só câncer [na região da] cabeça e pescoço, como [também] câncer de pulmão, de esôfago e de intestino”, exemplificou.

Segundo o site do Inca, os fumantes têm dez vezes mais chances de desenvolver a doença. Em pacientes que aliam o cigarro à bebida alcoólica, as chances aumentam 43 vezes.

Publicado em Blog

fazPor Taíza Brito

Nesta segunda-feira (18), recuperandos das três unidades da Fazenda da Esperança localizadas em Pernambuco – duas em Garanhuns e uma em Caruaru – embarcam no Aeroporto dos Guararapes, no Recife, com destino a Guaretinguetá, em São Paulo, para uma viagem especial. Eles se juntarão a reeducandos das mais de 50 unidades existentes no Brasil para celebrar o título de Associação Internacional de Fiéis concedido pelo Vaticano à Fazenda da Esperança, comunidade terapêutica que há 27 anos trata de dependentes de álcool e drogas.

A Família da Esperança, mantedora das Fazendas no mundo, recebeu do arcebispo Stanislaw Rylko, em Roma, o decreto oficial da sua aprovação, passando a pertencer às novas comunidades da Igreja Católica.  A titulação ocorreu dez anos depois da primeira aprovação diocesana, pelo falecido cardeal Lorscheider (Aparecida/SP).

Como apenas 300 pessoas puderam participar em Roma da entrega do decreto, a celebração em Guaratinguetá, durante esta semana, reunirá todos os membros e recuperandos da organização. No momento, a Família da Esperança conta mundialmente com mais de 500 membros, além dos quase 3 mil jovens e adultos internos em recuperação.

“O reconhecimento pontifício é importante e significativo demais para ser reservado a poucos. Por isso, convidamos membros, amigos e benfeitores para uma grande celebração, em Guaratinguetá, sede da Família da Esperança”, destaca nota no site da Fazenda da Esperança (www.fazenda.org.br).

Histórico - Um estilo de vida nascido da vivência da Palavra de Deus, uma associação de fiéis crescente a cada dia, dois carismas o da unidade de Chiara Lubich e o da pobreza de são Francisco de Assis e um só ideal viver o amor recíproco.

Os primeiros passos para o nascimento dessa família foram dados em 1983 quando Nelson Rosendo, orientado por frei Hans Stapel a viver a Palavra de Deus concretamente, aproximou-se de uma esquina na cidade de Guaratinguetá, onde os jovens vendiam e consumiam drogas. Desse contato surgiu o primeiro pedido de ajuda de Antonio Eleutério que expôs seu desejo de se libertar da dependência.

Com o passar dos anos, a comunidade terapêutica entendeu que sua finalidade principal deve ser a vida que se origina da vivência do evangelho pelos membros da associação de fiéis, reconhecida e aprovada pela Igreja Católica, nomeada de Família da Esperança.

Para os fundadores dessa realidade, a passagem do tempo e a experiência adquirida apenas confirmaram seus desejos de que a recuperação seja uma consequência da fidelidade a Palavra de Deus de todos aqueles que dedicam suas vidas aos jovens toxicodependentes e também esses acometidos pelo inferno das drogas.

Desde 1998, a Fazenda da Esperança também está presente com sucesso no exterior, começou pela Alemanha e, hoje, já existem Fazendas em mais de 10 países em quatro continentes.

De um lado, o reconhecimento pontifício é considerado como aprovação de todas as obras realizadas e do estilo de vida dos seus membros, de outro lado não deixa de ser uma carta de recomendação para uma futura expansão, deste espírito missionário evangelizador da Fazenda da Esperança.

Que esse trabalho maravilhoso prospere!

Publicado em Blog

twitter

Apoio..................................................

mercado_etico
ive
logotipo-brahma-kumaris